Buscar
  • Ana Carolina Fonseca

Síndrome do pânico e a terapia de vidas passadas





Você já ouviu falar sobre transtorno de pânico? O transtorno do pânico (TP) é caracterizado pela presença de ataques de pânico recorrentes que consistem em uma sensação de medo ou mal-estar intenso acompanhada de sintomas físicos e cognitivos e que se iniciam de forma brusca, alcançando intensidade máxima em até 10 minutos. Estes ataques acarretam preocupações persistentes ou modifi cações importantes de comportamento em relação à possibilidade de ocorrência de novos ataques de ansiedade.


Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que a prevalência mundial do transtorno de ansiedade (TA) é de 3,6%. No continente americano esse transtorno mental alcança maiores proporções e atinge 5,6% da população, com destaque para o Brasil, onde o TA está presente em 9,3% da população, possuindo o maior número de casos de ansiedade entre todos os países do mundo.


Uma das sensações mais comuns no pânico é o medo iminente de morte, que aparentemente é denominado de um medo irracional. Segundo a terapia de vidas passadas, o medo chamado de “irracional” ocorre porque, naquele momento, o Inconsciente identifica uma situação similar à qual a pessoa já passou em outra época e que está ainda ativa. Quando o Inconsciente sente que algo parecido com o que aconteceu em outra encarnação, pode acontecer novamente, aciona todos os mecanismos fisiológicos para fugir ou para lutar, e daí vêm os sintomas.


Através da regressão terapêutica é possível acessar esses conteúdos e gradativamente ir cortando as ligações presentes até hoje, possibilitando a pessoa a se conectar novamente com sua essência, e em muitos casos é possível diminuir a frequência ou até mesmo curar definitivamente.

0 visualização
  • Facebook
  • Instagram
  • Whatsapp Icon
  • Canal no Youtube

Ana Carolina Fonseca - Naturóloga & Psicoterapeuta

Whatsapp: (11) 98520.3343